Portal do Programa de Oncobiologia

Programa interinstitucional de ensino, pesquisa e extensão em biologia do câncer

Retinoblastoma como possível biomarcador de resistência à quimioterapia com uso de análise multiparamétrica em larga escala.

Coordenadora: Helena Lobo Borges

Equipe:
Pós-Doutores:
João Marcos de Azevedo Delou
Luciana Barreto Chiarini
Rodrigo Alves Portela Martins
Rossana Soletti
Stevens Kastrup Rehen

Doutores:
Igor Diomará Petrone Soares

Doutorandos:
Anielle Lins Gomes
Deborah Biasoli
Gabriel Eduardo Matos Rodrigues

Mestrandos:
Alana Silva Oliveira Souza

O câncer é a segunda maior causa de mortes em todo o planeta. Durante o tratamento de muitos tumores, uma boa parte das células tumorais não morre. Essas células podem ativar um processo de autofagia, que é algo como uma reciclagem de moléculas danificadas que aumentam a resistência da célula frente aos danos induzidos pelo tratamento. A proteína chamada retinoblastoma, originalmente encontrada alterada em câncer de retina, é na verdade alteada de forma direta ou indireta em cerca de 70% dos cânceres. Recentemente nosso grupo demonstrou, que além de controlar a proliferação das células, ela também facilita a sobrevivência da célula tumoral frente a drogas usadas no tratamento, por interferir com esse mecanismo de reciclagem celular. Pretendemos fazer uma análise ampla, usando um painel de linhagens de diferentes tipos celulares tumorais, para testar que combinações de drogas, que de alguma forma interferem com a função de RB, são mais eficazes em combinação com agentes clássicos antitumorais. Pretendemos investigar as bases da resistência aos tratamentos atualmente usados em doenças neoplásicas, buscando identificar se RB poderia funcionar como um biomarcador de resistência e/ou de sensibilidade a fármacos ou combinação de fármacos.

Para contato com a equipe, e-mail: hborges@icb.ufrj.br

design manuela roitman | programação e implementação corbata