Portal do Programa de Oncobiologia

Programa interinstitucional de ensino, pesquisa e extensão em biologia do câncer

Programa de Oncobiologia deposita patente

Pesquisadores dos laboratórios de Imunologia Tumoral do IBqM e de Química Bioorgânica, do Núcleo de Produtos Naturais, ambos da UFRJ, conseguiram depositar recentemente a patente da substância LQB118, desenvolvida de forma sintética.

Nas pesquisas de bancada,a substância demonstra eficácia contra tumores de quatro diferentes linhagens celulares de leucemia (leucemia mieloide crônica e leucemia linfóide aguda) e contra modelo de tumor de pulmão humano. A substância também foi eficaz para o fenômeno de resistência a múltiplas drogas (MDR), testadas pela equipe da pesquisadora Raquel Maia, do Instituto Nacional do Câncer em células de pacientes.

Neste momento, a equipe faz ensaios de toxicidade em camundongos e em células sadias e a substância, até o momento, não apresentou toxicidade para as células sadias, segundo Eduardo Salustiano, do Laboratório de Imunologia Tumoral. “Esta substância é mais barata, a mais ativa e a menos tóxica”.

O próximo passo é submeter dois artigos para publicação já que o grupo possui muitos dados e a patente depositada, afirma Salustiano.

design manuela roitman | programação e implementação corbata