Portal do Programa de Oncobiologia

Programa interinstitucional de ensino, pesquisa e extensão em biologia do câncer

Câncer no museu: UFRJ prepara exposição sobre o tema para jovens

Falar sobre câncer quase nunca é tarefa fácil. Sensibilizar os jovens sobre a importância da prevenção da doença é uma missão mais complicada ainda. Este é o desafio da ExpoCâncer, uma exposição concebida pelo Núcleo de Divulgação do Programa de Oncobiologia em parceria com a Fundação do Câncer, que será inaugurada em 2016 no Museu Ciência e Vida, em Duque de Caxias (RJ). A exposição foi agraciada em um edital da Faperj de apoio à difusão e popularização da ciência.
 
Para conquistar o público jovem, na faixa dos 12 aos 29 anos, a exposição contará com várias referências à cultura pop. O cenário, minimalista, foi inspirado no filme Dogville, do diretor Lars von Trier. Será construída uma casa em planta baixa, e cada cômodo terá informações sobre fatores de risco para o desenvolvimento do câncer e dicas de prevenção. Na cozinha, por exemplo, serão organizadas oficinas de gastronomia para crianças. O objetivo é ensiná-las desde cedo a adotar uma alimentação saudável. 
 
O mundo dos quadrinhos não ficará de fora. Todos os cômodos terão desenhos dos personagens adolescentes Thiago e Mila, desenvolvidos pelo Núcleo de Divulgação para abordar o câncer de maneira mais leve nas mídias sociais. Além de conhecerem os personagens durante a exposição, os visitantes levarão para casa revistinhas com todos os quadrinhos já criados até o momento.
 
 Outra atração da ExpoCancer é o jogo “Lab’it – Faça Você Mesmo”, que ficará disponível no quarto dos adolescentes durante a exposição. Desenvolvido em uma parceria com a GDP (Game Dev. Project), grupo de alunos de Ciências da Computação da UFRJ, o game tem o objetivo de estimular a conscientização sobre a pesquisa em câncer. Nele, os jogadores serão incorporados ao ambiente de um laboratório científico e terão o desafio de simular experimentos para pesquisas sobre a doença. 
 
O jogador vai controlar o laboratório como se fosse um cientista. Com os resultados e conclusões de cada etapa, serão oferecidas recompensas como “conhecimento” e “dinheiro” (tudo no âmbito do jogo), que poderão ser utilizadas pelo participante para contratar pesquisadores ou novos equipamentos a fim de acelerar sua pesquisa. Além de estar na exposição, este game será disponibilizado em breve na internet, de forma livre e gratuita. 
 
A exposição será inaugurada em março de 2016 e ficará disponível em Duque de Caxias por seis meses. Depois, seguirá em itinerância pelo estado do Rio de Janeiro. 

design manuela roitman | programação e implementação corbata