Portal do Programa de Oncobiologia

Programa interinstitucional de ensino, pesquisa e extensão em biologia do câncer

Inalação contra o câncer

Foi publicado na última edição do Jornal Brasileiro de Pneumologia, o artigo Efeito do álcool perílico na expressão gênica de células de adenocarcinoma de pulmão humano. O artigo, parte da dissertação de mestrado da engenheira química Juliana de S. da G. Fischer, defendida em agosto de 2005, pela Faculdade de Medicina do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho e  desenvolvido no Laboratório de Controle Expressão Gênica, do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho da UFRJ, aborda a ação desse monoterpeno isolado dos óleos essenciais de substâncias naturais como menta, hortelã, cereja e sementes de aipo, em células de adenocarcinoma de pulmão humano. O efeito anti-tumoral do álcool perílico já foi comprovado em ensaios clínicos com ratos, e já esta em fase de trial clínico em humanos, estabilizando ou reduzindo o desenvolvimento de diferentes tipos de tumores como pâncreas, mama, fígado, dentre outros . No entanto, o mecanismo de ação ao nível molecular já era conhecido para a RAS,  uma proteína que quando mutada leva ao câncer. Porém, em sua dissertação de mestrado, Juliana descobriu que o álcool perílico impede também a fosforilaçao de outra proteína ligada a cascata de transdução de sinal através de membrana, chamada ERK . Além disso, ao induzir um choque térmico nos experimentos in vitro , Juliana conseguiu aumentar muito a eficácia da droga, abrindo caminho para uma possível nova forma de tratamento.
O próximo passo é administrar o álcool perílico via aérea, ou seja, inalação. Desta forma, ela espera que os efeitos colaterais sejam reduzidos, assim como o desconforto do paciente. Este método já está sendo utilizado com sucesso pelo Dr. Clóvis Orlando da Fonseca, doutorando da Faculdade de Medicina da UFRJ, em pacientes com glioblastoma, um tipo de tumor cerebral. A inalação, como alternativa aos comprimidos, é muito positiva. No caso do câncer de pulmão, espera-se que o resultado seja ainda melhor. No entanto, o tratamento do adenocarcinoma via inalação ainda precisa ser autorizado por um conselho de ética para que, então, possa ser aplicado.

design manuela roitman | programação e implementação corbata